“Cabe a gente manter a motivação”, diz goleiro Leo Silva

Um dos símbolos da boa fase do Tempersul/Dracena, o goleiro Léo Silva comemora a regularidade obtida no decorrer desta temporada. Mas não deixa de chamar a atenção para uma projeção, diante do outubro desafiador que o time terá, visando manter a liderança da LPF (Liga Paulista de Futsal). Isso já a partir desta semana.

O Tempersul/Dracena tem 22 pontos em oito jogos e é o único invicto da competição. Só não é mais o líder, por ora, pois o Pulo Futsal jogou pela 10ª rodada, nesta terça-feira (28), e venceu o Uniara/Fundesport. Agora, ocupa a ponta, com 25 pontos, mas com duas partidas a mais que os dracenenses. Por isso, vale mencionar que o time do Oeste Paulista é o chamado “líder virtual” ou por aproveitamento. Elementos relevantes para deixar outubro com ar de prova importante.

Tanto no bate-papo com Flavinho quanto com Léo Silva, é visto um outro ingrediente no discurso dracenense, responsável direto por manter a motivação: a divisão de metas. Necessária em uma primeira fase longa (15 rodadas) e frente a adversários difíceis. A permanência no G4 (grupo que avança direto à terceira fase) está cada vez mais consolidada, contudo uma eventual queda de ânimo é contornada pela busca do próximo objetivo: assegurar a liderança.

“É um planejamento feito pelo Flavinho e por toda a comissão técnica. E cabe a gente manter a motivação e buscar os objetivos em jogo “, disse o goleiro dracenense.

O jogo entre Tempersul/Dracena e São Paulo será nesta sexta-feira (1º). O encontro começa às 19h, no Ginásio Alaor Ferrari, em Dracena (Interior do Estado), ainda sem público.

Com informações: Paulo Tarocco/Globo Esporte.com | Foto: Lucas Mello